Novelas

Resumo da novela Nazaré: Quarta-feira, 20/10/2021

A Band exibe nesta quarta-feira, 20/10, mais um capítulo da novela “Nazaré”.

Já no Restaurante, Matilde e João conversam. João está muito magoado e se diz incapaz de perdoar Matilde pela desilusão que lhe deu. Matilde fica cabisbaixa, mas Glória diz à amiga que não pode desistir e tem de ir à luta. Érica está doente e Luís, que está com ela, diz que é melhor irem ao hospital. Érica fica ansiosa por estar doente e com medo que Verônica a acuse, mais uma vez, de ser negligente com a filha.

Quando estão saindo, chega Verônica que lhe tira a bebê dos braços e diz que cuida dele enquanto a filha se recupera. Já sozinha com a bebê, Verônica olha para Yara, embevecida, dizendo que agora o tempo é todo delas. Na casa dos Carvalho, enquanto Ana aguarda que Pipo se arrume para irem jantar, Carol pede, encarecidamente, a Sofia que vá com ela visitar Heitor. Sofia, tentando disfarçar o desconforto, diz à filha que nem sequer lhe devia estar pedindo uma coisa dessas.

Matias entra em casa enquanto fala ao celular com uma cliente pedindo desculpa pela falha na entrega da encomenda. Tenta ligar para Toni, mas vai para a caixa de mensagem. Ele deixa uma mensagem dizendo ao irmão que ele é um incompetente. Matilde entra em casa com os sacos das compras e chama por Nazaré.

Vê que a filha não está em casa e liga para ela, mas ouve o celular tocando dentro de casa. Matilde, já muito ansiosa, liga para Joaquim que lhe diz que não está com Nazaré. Nuno encontra com Verônica e conta que vai ter de se despedir, pois, tem um primo doente e que precisa da sua ajuda. Agradece a Verônica a oportunidade e sai.

Verônica fica muito confusa com toda a conversa de Nuno. Na casa dos Gomes, estão todos muito preocupados sem notícias de Nazaré. Joaquim diz que é melhor dividirem-se e irem procurá-la. Duarte, que lá está a pedido de Matilde, encontra o fio de Nuno caído no chão da sala, mas não diz nada para não gerar preocupação. No interior de um barracão, Nazaré acorda Toni. Ele tenta se soltar, mas em vão, pois estão os dois atados nos pés e nas mãos.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo