Mundo Pop

DaBaby é retirado de mais três festivais por causa de comentários homofóbicos

O rapper americano DaBaby foi retirado de mais dois festivais, o Austin City Limits Festival e o iHeartRadio Music Festival, como reação as suas declarações homofóbicas durante um show no fim de julho.

As contas oficiais dos eventos anunciaram suas decisões nesta terça-feira (3). No Twitter, o ACL Fest escreveu: “DaBaby não se apresentará mais no Austin City Limits Music Festival – atualização da programação em breve.”

Segundo colunista, vizinhos dizem que Sammy e Pyong Lee ainda estão juntos

Em um comunicado divulgado na Rolling Stone americana, o iHeartRadio Fest disse que DaBaby não irá mais se apresentar no palco diurno do festival.

Os dois novos cancelamentos ocorrem um dia depois que DaBaby emitiu um pedido de desculpas à comunidade LGBTQ + pelos comentários “maldosos e dolorosaos” que fez. Ele também se desculpou novamente por seus “comentários mal informados sobre HIV/AIDS” e disse que sabe que “a educação sobre isso é importante”.

No mesmo dia, no entanto, o rapper também foi retirado do line up do Governors Ball em Nova York, bem como do Day N Vegas em Las Vegas. Anteriormente, já havia sido expulso do Lollapalooza no último minuto, além do Can’t Wait: Live!, show beneficente na Filadélfia, assim como o Parklife Festival em Manchester, Inglaterra. DaBaby também recebeu críticas de Questlove, Elton John, Madonna, Dua Lipa e Anitta, com quem colaborou no remix do último single da brasileira, Girl From Rio.

Após comentários de DaBaby, gravadora de Anitta removeu remix de Girl From Rio das rádios americanas (Foto: Reprodução/Instagram)
Após comentários de DaBaby, gravadora de Anitta removeu remix de Girl From Rio das rádios americanas (Foto: Reprodução/Instagram)

+ Anitta canta sucessos em show privado de revista americana; assista a apresentação completa

Em pedido de desculpas no Twitter, DaBaby demonstrou não ter se arrependido de falas homofóbicas

DaBaby já havia utilizado sua conta oficial no Twitter para, de certa forma, pedir desculpas pelo seu discurso homofóbico e sorofóbico, porém, em seu texto, o rapper demonstrou ter se arrependido apenas de ter falado sobre pessoas com HIV/AIDS e continou defendendo suas falas homofóbicas.

“Qualquer um que tenha sido afetado por AIDS/HIV vocês todos têm o direito de estarem chateados, o que eu disse foi insensível mesmo que eu não tenha intenção de ofender ninguém. Então peço desculpas. Mas a comunidade LGBT… Eu não tenho problemas com vocês. Os negócios de vocês são os negócios de vocês”, escreveu.

+ Mariana Godoy critica live de Bolsonaro: “Bizarra”

 

SIGA O ADTV NAS REDES

Quer acompanhar tudo sobre Famosos, Notícias da TV, Audiência da TV, Mundo Pop, Futebol, EsportesMMA, Streaming, Programação de TV, Novelas e mais? Siga nossas redes sociais, FacebookInstagram, ou Google News! Ou procure digitando nos resultados de busca por: ADTV!

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo